30 de janeiro de 2010

Mensagem Dele I


Galerinha da Terra,


Hoje acordei meio irado, sei lá. Fiquei pensando se realmente valeu a pena a criação de vocês aí embaixo, nesse pedacinho do universo que eu, em toda minha misericórdia, emprestei a vocês. Na melhor das intenções, claro. Aliás, nunca é demais lembrá-los, vocês são hóspedes desse espaço, condição permanente de quem se encontra de passagem. E, como tal, deveriam ter mais respeito com quem lhes dá abrigo. Engraçado isso... Porque quando vejo vocês comendo nos seus sofisticados restaurantes, por exemplo, não os vejo cuspindo no chão, atirando a comida no garçom ou limpando a boca na toalha. E a educação parece que para por aí. Porque quando se trata de respeitar vosso anfitrião, o 'pálido ponto azul' chamado Terra, a atitude é outra. Exploração em nome do lucro, essa é a máxima, ainda que o efeito seja destruidor. Vocês não são tão burros como parecem, eu sei. Claro que sabem o que seus atos causam, só não se preocupam com eles porque também sabem que os reflexos só aparecem lá na frente, quando as gerações futuras terão que pagar o preço. Hello! O futuro já chegou, vocês fazem parte da geração que arca com os danos. Não deu pra perceber ainda? Esse seu anfitrião anda dando suas chacoalhadas... Manja picada de pernilongo? Aquela coisa chata que começa a coçar e você se irrita, coça, resmunga, enfim... Reage! Pois não lhes parece óbvio que a Terra faz o mesmo? Vocês a maltratam, pilham, violam, esgotam e querem que ela cruze os braços e fique só tomando na cabeça? O problema, mortais, é que a reação do planeta é proporcional ao seu tamanho, o que significa dizer que uma coçadinha na picada equivale a um tsunami. Aí, como é de se esperar, paga com a vida quem não tem nada a ver com a história.

Bom, vou ficando por aqui porque acordei cedo e essa conversa me dá o maior bode. Já não tenho mais paciência pra lidar com um bando de criancinhas mimadas que ficam choramingando e esperando que a mãe faça tudo, seja a eterna provedora. Fica aqui o meu recado: a hora que essa mãe se encher o saco e virar aquela porrada, não vai sobrar ninguém pra contar a história. Tá na hora de vocês pensarem na mãe com um pouco mais de carinho, antes que seja tarde. Depois não adianta chorar, não vale dizer que eu não avisei...
Fui!
PS.: eu demoro pra pegar no sono. Por isso peço que, ao menos pelos próximos 30 dias, parem de ficar me pedindo coisas!

21 comentários:

  1. Belo texto de reflexão.
    Tomara meu amigo que caia a ficha desse povinho, senão o bicho vai pegar e feio.
    Chegou a hora de parar - refletir e agir,
    aliás passou da hora.
    Eu fico por aqui, na reflexão de suas palavras.

    Um ótimo final de semana.

    Beijos da Flor!

    ResponderExcluir
  2. kkkkkk adorei o puxão de orelha!!!
    E prometo que vou pensar antes de fazer um pedido nos próximos 30 dias ... vamos dar uma folguinha PRÁ ELE né? rsrsrs
    Bjo grandão!

    ResponderExcluir
  3. Olá Andre
    Excelente texto, maneira diferente de cobrar a responsabilidade de toos nós para com o nosso planeta.
    Obrigado pela visita ao meu blog e por estar me seguindo
    Abração

    ResponderExcluir
  4. Uma beleza de texto.Sem dúvida uma maneira simples de dar o recado. Desmatam quilometros e acham que tudo vai renascer na mesma proporção e rapidez? E nem se lembram de replantar. Constrem desmatando, tirando tudo do lugar e esquecem que a Terra se mexe, pra se acomodar,nossa, são tantos absurdos,egos inflados,miséria,ganancia, pobreza em todos os sentidos,"picadas" pra tudo quanto é lado,literalmente. As pessoas tomam o lugar de "Deus" e julgam-se donos da Terra. Somos pobres demais,nem sabemos que ser dono é cuidar,respeitar,valorizar e amar. Quando destruimos o que nos serve agimos como filhos mimados,agora temos que nos conformar em ser filhos de tsunamis,terremotos,enchentes e sabe-se lá o que vem mais por aí com a fúria da natureza,afinal somos os 'pernilongos" nada mais. Amei amigo e obrigada pela visita e comentário. Adorei viu! bjão

    ResponderExcluir
  5. Não podemos fazer muito sobre a extensão
    de nossas vidas, mas podemos fazer
    muito sobre a largura e a profundidade delas.

    (Evan Esar).

    Feliz domingo pra vc.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  6. Eita nois, viu! Este mensageiro é inspiração e piração total!

    E ai, como foi de férias?? Pelo bloguito, estou vendo os resultados!rsrsrs.

    Amei a foto que vc está pairado no ar e as montanhs do blog preste a acolhe-lo.

    Grande beijo
    Paty

    ResponderExcluir
  7. Tomara, Maria Flor, que dê tempo de cair a ficha... Bjs!

    ResponderExcluir
  8. Dar um tempo pro homem, né, Sil? A bem da verdade, o cara deve estar de saco cheio mesmo... bjs!

    ResponderExcluir
  9. Obrigado pela visita e comentário, Wanderley, e parabéns pelo seu espaço. Abraço!

    ResponderExcluir
  10. É isso aí, Elaine, somos os pernilongos chatos que só sabem incomodar. Quero ver quando chegar a hora... Bjs!

    ResponderExcluir
  11. Sábio texto, Ana. Se cada um fizesse sua parte nesse sentido, seguramente teríamos um caminho menos tortuoso pela frente, com melhores expectativas. Bjo!

    ResponderExcluir
  12. O problema, Paty, como você mencionou, é a volta. Tô mais deslocado que cachorro em mudança e fazendo um esforço danado pra recomeçar... Bjo!

    ResponderExcluir
  13. Obrigada pelo comentário. Adorei! Claro que quero a coruja pode mandar para elainebb08@hotmail.com Vou postar com carinho sem dúvida! MOntão de bjs e abraços

    ResponderExcluir
  14. nO POST A MIM DEDICADO,A CONHECERÁS!

    BZU NAS MÃOS!

    TE ABRAÇOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

    ResponderExcluir
  15. Calmones em visita! Feliz pela participação, caminhos cruzados pelo infinito...Te abraço!

    ResponderExcluir
  16. O blog está lindo cheio de imagens admiráveis.
    Você está coberto de razão bom Deus, somos meros depositários de tudo que temos na terra.
    Bjs

    ResponderExcluir
  17. Tens razão.
    Mas só 1 tiquinho mais de paciência...tá bom?
    Com afeto e gratidão, subscrevo-me.
    Súdita.

    ResponderExcluir
  18. Fico feliz que tenha gostado, Kyria, estou trabalhando para aprimorá-las. Bjs!

    ResponderExcluir
  19. Com afeto e gratidão reverencio tua passagem, Barbara!

    ResponderExcluir
  20. paro não,meu!
    por favor em email deuzinhu,determine endereço comercial,caixa postal,albergue qualquer,de sonhadores mininus,quelque chose ,mon amie,tenho um catatau de originais em duo com Peri,para que aprecies ,copie o que quiser e devoval-meeeeeeeeeee,please!
    Na segunda,te enviarei via SEDEX!
    hugsssssssssssssssssssssssssssssssssssssss

    ResponderExcluir
  21. Xi, Ricks, agora nao sei se vc quer o meu endereço ou o dele...

    ResponderExcluir