28 de março de 2009

Gratidão

"- E já que falamos em agradecimento, é bom lembrar que vocês não sabem mais o significado da palavra. Desaprenderam a usá-la, acham que a vida se resume a um monte de atividades e que... - Uriah então se calou. Deixou que as últimas palavras se perdessem pelo ar para dar lugar a um conhecido sorriso, que com sua energia afagou as ondas que se quebravam a seus pés em sinal de agradecimento. Talvez o ser humano tivesse mesmo esquecido o valor da palavra. Mas a natureza, seguramente, não. "

O texto, extraído de O Último Mensageiro, retrata a percepção que seres de outras esferas, como é o caso de Uriah, tem em relação ao procedimento humano, em especial à questão do agradecimento. O que Uriah quis dizer, mas foi impedido pelo fato de Abel tê-lo ignorado e seguido em direção ao mar, era o abismo que havia sido criado entre o homem e o respeito pela vida, sua e de seus semelhantes.

Quem é que agradece, ao acordar pela manhã, pelo simples fato de estar vivo? Ou que reconhece o trabalho de um terceiro, seja a moça do café ou o manobrista do estacionamento? Poucos, é verdade. A maioria se volta para o seu pequeno grande mundo e a rotina pobre do dia a dia, sem dar valor para o que está ao redor.

O ser humano costuma agir assim. A natureza, sabiamente, não. Se a respeitamos, ela agradece. E se a desrespeitamos, ela também agradece, ainda que sob o instinto da fúria - tsunamis, furacões e derivados nada mais são do que manifestações do planeta diante da irresponsabilidade do homem, que não é capaz de preservar nem mesmo o ambiente em que vive. O mesmo se dá com seus filhos, basta ver nas imagens abaixo. A senhora em questão encontrou o leão, ainda filhote, faminto e quase morto na selva colombiana e durante 6 anos, todos os dias, cuidou do bichinho como um filho, até ter que entregá-lo às autoridades. Vejam a reação dele ao encontrá-la:




Preserve a natureza e seus recursos, agradeça pela dádiva da vida e siga sua jornada!


3 comentários:

  1. Muito bem colocado, Andrew! O ser humano precisa reaprender o ato de agradecer, se é que um dia ele aprendeu. Olha, quanto à fantástica reação do leão, tenho certeza que muita "gente" é incapaz de dar um abraço como este!Abs!

    ResponderExcluir
  2. Pode crer... Agora, além do abraço de urso, também temos o de leão. Abs!

    ResponderExcluir